Postagens

Cultivando rosas

Imagem
Tudo começou quando Sami me deu esse vaso de rosas no dia dos namorados - um tanto brega? Pelo menos eu achava isso meio brega até o dia em questão, e essa é minha prova pessoal de que estamos mudando a todo instante. Quando vi ele entrando pela porta com esse vasinho, minhas primeiras palavras foram ohh how tacky! (ohh que brega!), mas admito que amei as rosas e o gesto dele. Eu sempre gostei de flores e plantinhas, e nosso apartamento estava precisando de uma presença viva e verde, então esse presente foi recebido de braços abertos. Devo admitir que muitas das plantas que tentei cultivar em casa morreram em vão, e por muito tempo acreditei que não fosse capaz de cuidar dessas delicadezas propriamente, mas algo dentro de mim queria vê-las perseverando, algo dentro de mim queria cuidar dessas rosas e, possivelmente, cuidar melhor de mim mesma. Além de água, sol e poda, essas bichinhas também precisam de nutrientes. Uma vez por se

O poder da leitura

Imagem
Eu devia ter uns 12 anos quando descobri este fenômeno: competição de quem lê mais livros. Aquilo que antes tinha o propósito de ser instrutivo e prazeroso, um momento para relaxar e se deixar transportar, passou a ser mais uma forma de se destacar, de se sentir superior e, obviamente, de inferiorizar colegas de classe. Era a hora do recreio no pátio da escola, e eu e minhas amigas tínhamos vergonha de brincar e correr livremente, afinal de contas, éramos mulheres . A maioria das meninas da nossa turma já havia menstruado, e não era tarefa fácil correr com um absorvente grudado na calcinha. Portanto, sentar de pernas cruzadas e competir em discursos passivos e venenosos era mais conveniente. Por incrível que pareça. Terminei de ler Harry Potter e a Câmara Secreta - um sorriso contente dominava meu rosto. Pfff - Minha colega joga seus cabelos para trás com as costas da mão -  eu já li esse livro duas vezes e depois li a versão em Inglês. Meu sorriso despenca e cai entre as fre

-18°C em Umeå

Imagem
Antes de me mudar para Suécia, eu estava passando alguns meses no Brasil e um mês em Napoli, sul da Itália - um calorãaao! Eu cheguei na Suécia no final de Novembro, congelando, então você já deve imaginar o choque de temperatura que passei. É a primeira vez que estou morando em um país nórdico, então ainda estou aprendendo sobre o estilo de vida que se leva por essas terras, ainda aprendendo sobre como as pessoas suportam esse Inverno por meses e meses (e meses e meses e meses...). Det finns inget dåligt väder, bara dåliga kläder. Esse é um dizer bem famoso por aqui, e significa que não existe tempo ruim, apenas "roupas ruins", ou pouca roupa. Desde que você tenha botas e casaco impermeáveis, uma segunda pele, meias grossas, luvas e touca, você sobrevive uma caminhada à beira do rio. É claro que calefação faz toda a diferença, mas também é preciso apreciar seu tempo indoors com qualidade, convidando amigos para jantas, decorando o lar com velas, car

Lussekatter / pães de açafrão

Imagem
Julmust , pepparkakor , glögg e lussekatter . Não existe Natal sem essas quatro palavras aqui na Suécia. Julmust é um refrigerante super doce, mas refri não é minha praia. Pepparkakor são aqueles gingerbread cookies (Pão de mel? Biscoito de mel? O Português falha de vez em quando). Glögg é o bom e velho quentão. Lussekatter são os famosos saffron buns (pães de açafrão).

Nárnia - Estocolmo

Imagem
Eu achava que Nárnia fosse só mais um universo mágico do qual eu ficaria de fora, mas eu estava equivocada. O silêncio da neve, os rios congelados, um suspiro que vem sem avisar.

Interrompendo a fala do outro para falar de si mesmo?

Imagem
Eu estou sempre analisando comportamentos a minha volta. O conteúdo do que a pessoa está falando. A forma como ela expressa suas ideias. Os desenhos que suas mãos traçam no ar. O volume da voz. E enquanto essa pessoa fala, aproveito para dar uma olhadinha nas pessoas a seu redor. Eu gosto de ver quem está escutando - realmente escutando. Você descreveu tudo o que aconteceu nos mínimos detalhes  - tia Udila se referia a um post do meu blog - Eu não teria me lembrado de metade do que aconteceu naquele almoço . Minha tia acha que eu levo jeito com as palavras como se essa competência fosse uma espécie de dom divino, mas o que dá cor, aroma e sentimento aos meus relatos é a arte de escutar. Eu nem sempre fui uma boa ouvinte, e me lembro muito bem do desejo incontrolável de falar que tomava conta do meu corpo até pouco tempo atrás. Era uma obsessão. Eu tinha que falar sobre mim, e sobre como as coisas também  aconteciam comigo, sobre como minha vida também era excitante, sobre como eu tam

Cristais, magia e a comercialização do bem-estar

Imagem
Minha mãe me convidou para ir a uma loja de cristais. Milagres acontecem. Minha mãe nunca fora o tipo de mulher que dá muita conversa para cristais, horóscopo, chakras e o místico. Toda vez que eu comento sobre os benefícios de um chakra laríngeo equilibrado, ela diz hmmm, aham  e sai de fininho. Eu também não fico forçando esse tipo de assunto com ela, pois o interesse tem que vir de dentro. Minha mãe. Minha mãe me convidou para ir a loja de cristais! - eu disse para minha tia, logo depois de ter recebido o convite. Tia Udila, sentada em sua poltrona do artesanato enquanto decora um vaso de flores com quadradinhos coloridos de plástico PET, suspira e diz - Quanto mais idade a gente tem, mais a gente vê que a vida não é só de um jeito... No carro, minha mãe pedia explicações - Tá, mas... como é que funciona isso? Qual cristal eu devo comprar? Eu não entendo dessas coisas.  Enquanto isso, Aline, que aderiu a essa tendência dos cristais, começa a falar que tem um tal de cristal v

Midsommar em Örskär, Suécia

Imagem
Midsummer é uma celebração muito aguardada na Suécia. É o   solstício de Verão , o auge da energia e do calor. É quando os suecos deixam as ruas da cidade e viajam para suas  summer houses  em busca do verde e do mar. Não é à toa que esse período do ano é tão especial por aqui, pois o Inverno é extremamente severo, com temperaturas abaixo de 0° por vários meses. O sol não aparece nos meses mais frios, e os suecos se encontram no meio da escuridão por um longo período, com uma leve claridade de 2h ou 3h durante o "dia". O oposto vale para o Verão,  quando o sol praticamente nunca se põe . E nessa época do ano, o sol nunca se põe. A foto abaixo foi tirada à 01:00, em um silencioso e formidável amanhecer.